A história da professora que virou empreendedora de sucesso

Nem os tempos difíceis que a pandemia de coronavírus trouxe para empreendedores e a economia em geral mundo afora fizeram com que a professora Suzane Braga deixasse de comemorar seus nove anos como franqueada YES! Idiomas.

Aos 43 anos, Suzane ainda lembra com alegria, a decisão de abrir o negócio com Walter Jones, seu marido há 17 anos.

Foi no ano de 2011 que o casal juntou todas as economias e investiu na compra de sua primeira franquia YES!.

Formada em letras pela UFRJ, e pós graduada, Suzane tem mesmo muito a comemorar.

Mãe de Maria Luiza, de 4 anos, a empresária hoje é dona de duas unidades da rede de idiomas, e mesmo em meio a uma crise sem precedentes conseguiu, com o suporte da franqueadora, além de muito profissionalismo e resiliência, manter os seus mais de 1000 alunos.

Caçula de uma família humilde de um casal e três filhos, Suzane sempre foi sonhadora.

Era a contadora de histórias que o pai, Adilson, adorava ouvir e que a mãe, Sueli, apoiava e incentivava sabendo que a filha mais nova chegaria longe.

E assim foi.

Em 2006, com apenas três anos de casados, Suzane e o marido Walter resolveram dar uma guinada radical na vida.

Na época, ela era professora de línguas em cursos particulares e coordenadora do curso de espanhol da Faetec.

Walter era funcionário da Prefeitura de Duque de Caxias. Os dois decidiram então largar os empregos e vender o único bem que tinham, um carro.

Entregaram a casa em que moravam, e foram viver na Dinamarca, trabalhando em uma empresa de processamento de peixes.

Foram quatro anos de muitos desafios, juntando dinheiro, até o retorno ao Brasil, já com planos para abrir o próprio negócio.

Como Suzane era professora de línguas, uma franquia de escola de idiomas foi o caminho mais coerente a seguir.

A escolha da YES! Idiomas foi outra decisão importante para os novos empreendedores.

“A receptividade e transparência da franqueadora, além da metodologia do curso, foram determinantes.

O método de ensino YES! e o material didático que remete ao cotidiano do aluno, fazem com que a mágica do aprendizado aconteça de forma criativa e natural”, explica ela.

A primeira escola foi aberta em Santa Cruz da Serra, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, no estado do Rio de Janeiro.

Em 2018, com os negócios andando bem, o casal abraçou uma oportunidade de abrir a segunda unidade, em Guapimirim, também na Baixada Fluminense.

Com afinco e muito trabalho chegaram aos 400 alunos em um ano.

O caminho escolhido por eles foi replicar o que já dava certo na primeira unidade, apenas fazendo ajustes, para adaptar o negócio à realidade do público da nova região.

Para Suzane, o segredo do sucesso é a parceria entre franqueadora e franqueados.

“Mesmo em meio a tantas dificuldades trazidas pela pandemia, não esmorecemos.

Conseguimos manter a qualidade de ensino com as videoaulas planejadas e executadas pela franqueadora para toda a rede, e fomos nos adaptando, com muita criatividade, à nova realidade on-line”, conta ela.

Além das videoaulas, eles passaram a oferecer um plantão tira-dúvidas, e aulas extras, através de lives, como aulas de trabalhos manuais e culinária.

Fundamental também, de acordo com Suzane, foi manter o contato bem próximo com alunos e responsáveis, oferecendo orientação e suporte, dando a atenção necessária a cada um.

Cada passo da história da menina sonhadora foi determinante para que ela chegasse até aqui, com duas escolas da YES! Idiomas.

E hoje ela comemora um feito para poucos: o fato de ter conseguido aliar o sucesso nos negócios com realização pessoal.

Faça parte da melhor franquia de idiomas do Brasil.

Entre em contato e conheça mais benefícios YES! Idiomas.

CADASTRE-SE AGORA E CONVERSE COM UM DE NOSSOS CONSULTORES