YES! Franquias

Blog YES!

BALANÇO ABF 1° TRIMESTRE DE 2021: FRANQUIAS MOSTRAM RECUPERAÇÃO E AUMENTO NA EXPANSÃO

A Pesquisa de Desempenho do setor de franquias no primeiro trimestre deste ano, realizada pela ABF
(Associação Brasileira de Franchising)
, mostra que o setor começa a se recuperar e volta a apresentar
crescimento na expansão. Nós, da YES! Idiomas, fizemos um resumo da publicação para você.
Confira abaixo.


De acordo com a pesquisa, mesmo com o cenário ainda adverso, as redes seguem expandindo.
No primeiro trimestre deste ano, foram abertas 3,3% mais unidades, contra 2,3% no mesmo período
do ano passado
. Os repasses se mantiveram estáveis, passando de 0,6% em 2020 para 0,5% em 2021.

André Friedheim, presidente da ABF, explica: “Atribuímos este quadro ao maior otimismo dos
empreendedores e redes no último trimestre de 2020 – o que se traduziu em inaugurações no
primeiro trimestre – e à falta de perspectivas no mercado de trabalho, o que levou muitos
profissionais a empreenderem. O juro básico da economia em níveis historicamente baixos
também é fator muito importante, que leva investidores a buscarem taxas de retorno mais
interessantes na economia real”.


Uma novidade revelada pelo Portal do Franchising, principal canal digital de franquias no Brasil,
foi o aumento do número de jovens entre 18 e 24 anos interessados pelo setor. O volume de buscas
por parte desta faixa saltou de 10,2% para 21,3%, mais do que o dobro, comparando o período de janeiro
de 2019 a março de 2020
ao período de março de 2020 a maio de 2021.

Investidores com mais de 65 anos também realizaram mais buscas no Portal, passando de 3,1% para 4,7%
em igual período.
Durante esse um ano já completo de pandemia, a ABF implementou diversas iniciativas
para minimizar seus impactos sobre o setor.

Seguem algumas apresentadas:
- firmou dois convênios com a CAIXA para linhas de crédito e condições especiais em produtos;
- auxiliou redes e seus franqueados no acesso ao PRONAMPE
(Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte)
;
- contratou parecer jurídico referente a não aplicabilidade do IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado)
no reajuste dos aluguéis;
- combateu aumentos súbitos de impostos;
- digitalizou a quase totalidade de suas atividades;
- adaptou sua agenda de capacitação para temas urgentes relativos à pandemia, além de manter intensa
articulação em várias esferas do poder público no sentido de promover um melhor ambiente de negócios
no Brasil e buscar mecanismos de mitigação das políticas de distanciamento social.


Acesse a pesquisa completa em:
https://www.abf.com.br/wp-content/uploads/2021/06/Desempenho-Franchising-1TRI-2021.pdf