Como melhorar a produtividade com o método 5S?

Apesar de ter ganhado uma fama agora, o método 5S já existe desde o século XX, ele foi desenvolvido no Japão durante o período da pós Segunda Guerra Mundial, que era um momento em que se vivia uma grande crise econômica no país. 

O objetivo dos japoneses com o método era uma rápida reconstrução, para que o país pudesse retornar ao cenário internacional e assim conseguir ter uma economia mais estável novamente. O método se baseia em Seiri (utilização), Seiton (organização), Seiso (limpeza), Seiketsu (normalização) e Shitsuke (disciplina).


Isso colabora para a qualificação dos processos e rapidez no desenvolvimento e crescimento. Como já sabemos o método funcionou muito bem no país, que hoje possui uma das principais economias do mundo. 

Mas a grande pergunta é: O método funciona em empresas?

A resposta é SIM!, e nós vamos te explicar neste texto o porquê e como você deve aplicar o método em sua empresa.

Significado de cada “S” do método

Já sabemos que os 5S são Seiri (utilização), Seiton (organização), Seiso (limpeza), Seiketsu (normalização) e Shitsuke (disciplina). 

Agora vamos descobrir o que cada um realmente quer dizer, explicando tópico a tópico, cada um deles. 

Seiri (utilização)

Seiri diz respeito ao uso consciente e eficiente de recursos sejam eles materiais ou não. Propondo uma reflexão sobre os hábitos de acúmulo de objetos, que provavelmente não serão úteis. De uma forma mais direta ele elimina o desperdício e incentivar o consumo consciente. 

Nas empresas ele funciona como uma forma de combater as distrações que possam atrapalhar a concentração e consequentemente a produtividade. 

Logo a empresa deverá avaliar o que é útil e o que não é. Tudo que possivelmente possa atrapalhar a produtividade deverá ser descartado. 

Seiton (organização)

Seiton visa uma localização de objetos mais rápida e eficaz, para isso se faz necessário uma organização um pouco mais intensa, e que possa ser integrada a rotina da empresa. Isso fará com que uma parte do tempo seja economizado. Um outro ponto positivo da organização é a agradabilidade que o ambiente passa e que acaba estimulando a produtividade. 

Seiso (limpeza)

Talvez esta possa estar levemente linkada com a anterior, pois para uma boa limpeza precisa-se de uma boa organização e vise versa. 

Mas o que isso influencia na produtividade?

Equipamentos limpos tendem a ter menos problemas, já um ambiente limpo, causa uma quantidade menor de acidentes e doenças, promovendo assim um bem-estar maior aos funcionários, que claro refletirá na sua qualidade de entrega.

Seiketsu (normalização)

O Seiketsu vem para normalizar as ideias já citada até aqui, pois só assim será possível implementá-los na rotina. Para que isso aconteça a empresa pode implementar regras e rotinas de fiscalização de cada um dos pilares.

Assim você conseguirá entender de que forma os seus colaboradores estão aderindo a implementação do novo sistema e se necessário, poderá fazer reajustes. 

 Shitsuke (disciplina)

O último, mas talvez o mais importante do método o Shitsuke. Neste caso a disciplina não será apenas de cumprir todas as tarefas diariamente, mas sim, de incentivar os colaboradores através de palestras e capacitações, para que eles se sintam mais motivados a aceitar e seguir cumprindo todos os pilares do método. Logo o Shitsuke pede uma disciplina não apenas dos colaboradores, mas também da empresa, que precisa estar atenta a todas as necessidades dos colaboradores. 

Quais as vantagens de usar o 5S na sua empresa?

Alguns benefícios já foram citados no texto, porém, o método 5S proporciona muitos outros benefícios a curto, médio e longo prazo para a empresa, como: operações mais ágeis, aumenta a busca por profissionais querendo trabalhar na empresa e incentiva os colaboradores a estarem sempre se aprimorando.

Como implementar o método 5S na minha empresa?

Para que o método seja implementado da melhor forma para todas as partes, nós separamos algumas dicas para que você possa realizar a implementação sem causar grandes problemas entre as equipes. 

Influenciadores internos

Conta com a colaboração dos colaboradores mais “populares” irá te ajudar durante a implementação do processo. Pois eles podem difundir e colaborar com a nova ideia. Assim ele estará mostrando aos demais a importância do método para o bem-estar de todos. 

Pesquisa de satisfação

Busque entender o termômetro de aceitação dos seus colaboradores. Faça algumas pesquisas internas, sobre como está sendo para eles o novo método. É importante que estas pesquisas possam ser respondidas anonimamente, para que assim, todos se sintam à vontade para respondê-la.

Isso fará com que os funcionários percebam que a empresa se importa com a opinião deles e assim se sintam mais dispostos a colaborar. 

Use o Shitsuke ao se favor

Mostre sempre que possível os benefícios que o método pode trazer para os funcionários, proporcionando palestras, cursos e formações internas e externas para que eles consigam evoluir profissionalmente. Mas lembre-se que estas formações devem ser de total custo da empresa e que se forem obrigatórias, elas devem ocorrer dentro do horário de trabalho.

É primordial que os superiores sigam o método à risca, para que possam servir de exemplo para o restante da equipe. 

Agora que você já sabe tudo sobre o método 5S é hora de colocá-lo em prática. Neste artigo nós mostramos como ele pode ser implementado em uma empresa, mas você também pode aderir o método na sua vida pessoal, isso fará com que o seu rendimento nas tarefas diárias aumentem e que você consiga separar uma ou umas horas no dia e na semana para descansar.

Lembrando que o método é útil em todos os tipos de empresas, sejam elas franquias ou não. 

A YES! busca trabalhar com o método sempre que possível, realizando treinamentos com seus  franqueados e incentivando para que eles façam o mesmo com os seus colaboradores.

Seja você também um franqueado YES! e viva o sonho de ter o seu próprio negócio. 

CADASTRE-SE AGORA E CONVERSE COM UM DE NOSSOS CONSULTORES